terça-feira, 30 de junho de 2015

Visita guiada com o fotógrafo Gilberto Perin




Fotografia de Gilberto Perin e interferência de Bebeto Alves


Fotografias Para Imaginar, nesta quarta, encontro com o fotógrafo.


O fotógrafo Gilberto Perin, autor do projeto “Fotografias para Imaginar”, vai estar nesta quarta (1º de julho), às 16h30min, conversando com os visitantes da exposição que está na Sala Aldo Locatelli, na Prefeitura Municipal (Praça Montevidéu, 10), em Porto Alegre.
A exposição apresenta 16 fotografias de Gilberto Perin que são reinterpretadas por 16 escritores e 16 artistas. Cada qual com a sua visão e sentimento numa reunião de múltiplos talentos que resultou nessa exposição e no lançamento de um livro financiado pelo Fumproarte.
As fotos revelam espaços sem a presença humana, propondo que o limite documental da fotografia seja ultrapassado, rompendo a fronteira do visível.



Visita guiada com o fotógrafo Gilberto Perin, autor do projeto "Fotografias para Imaginar"
quarta feira, 1º de julho, às 16h30min
Sala Aldo Locatelli, Paço dos Açorianos
Praça Montevidéu, 10 - Centro Histórico
Informações: 32893735




segunda-feira, 29 de junho de 2015


Pinacoteca Aldo Locatelli recebe doação

Foto: Reprodução/PMPA
Pintura foi uma das obras que integrou a mostra Paisagens de Porto Alegre
Pintura foi uma das obras que integrou a mostra Paisagens de Porto Alegre

As lavadeiras da Praia do Riacho,  óleo sobre tela de 1899 do pintor alemão Otto Dinger, será doada à Pinacoteca Aldo Locatelli. A cerimônia de recebimento da obra que pertence ao acervo do Ministro Fernando Cacciatore será na quarta-feira, 8 de julho, às 16h, no Salão Nobre do Paço Municipal (Praça Montevidéu, 10). O ato contará com as presenças do prefeito José Fortunati e do Secretário da Cultura Roque Jacoby.

A Obra - As lavadeiras da Praia do Riacho (Óleo Sobre tela - 36cm x 36cm) foi uma das obras que integrou a mostra Paisagens de Porto Alegre - Coleção Fernando Cacciatore de Garcia, em cartaz de março a abril de 2015 na Pinacoteca Ruben Berta. A Pinacoteca também recebeu do mesmo doador em maio passado, treze desenhos do Maristany de Trias e uma pintura do Vicente Cervásio para a Pinacoteca Aldo Locatelli. O Ministro Fernando Cacciatore conta que conheceu a pintura em Berlim. Na ocasião, mesmo que não houvesse qualquer identificação, ele reconheceu a Praia de Belas,a Cúria Metropolitana e as colinas do Morro da Polícia.

O Autor - Otto Dinger (Dusseldorf, 1860 – Berlin, 1928)
Filho do gravador Fritz Dinger de Dusseldorf. Foi aluno de seu pai na Academia de Dusseldorf entre 1878 e 1883. Em 1885 mudou-se para os Estados Unidos, onde viveu por quatro anos em Milwaukee, Wisconsin, onde junto com alguns colegas de Dusseldorf participou ativamente do panorama artístico da região. Em 1889 retornou à Alemanha e se estabeleceu em Berlin, onde se tornou discípulo do gravador Karl Koepping. Nos anos 1890, Dinger viajou ao Brasil e em 1899 teve obras exibidas em uma exposição individual em Porto Alegre. Não se sabe exatamente quando o artista retornou a Alemanha. No entanto, de 1891 até sua morte em 1928, seus trabalhos aparecem em várias exposições naquele país.


/cultura /pintura
Texto de: Cleber Saydelles
Edição de: Manuel Petrik
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.



sexta-feira, 26 de junho de 2015

Exposição "Sob o sol do Ocidente"


Obras que compõem a exposição





Biografia dos artistas 








Programação comemora o centenário de Aldo Locatelli

 

Foto: Revista do Globo/Divulgação PMPA
Pintor italiano chegou ao Rio Grande do Sul em 1948
Pintor italiano chegou ao Rio Grande do Sul em 1948

Em comemoração ao centenário do pintor italiano Aldo Locatelli a Coordenação de Artes Plásticas da Secretaria da Cultura realiza programação especial, incluindo exposição, seminário, passeios pelo Centro Histórico e viagem ao interior do Estado. A programação começa nesta segunda, 29, com a mostra Expressão Pura – Locatelli e seus discípulos na Pinacoteca Ruben Berta, reunindo trabalhos do mestre italiano e dos seus alunos Paulo Peres, Paulo Porcella, Círio Simon, Clébio Sória e Clara Pechansky.
No sábado, 18 de julho, às 9h30 está programada uma visita mediada pelo professor Paulo Gomes, docente do Instituto de Artes da Ufrgs, no Palácio Piratini, quando serão apresentadas as obras de Locatelli que retratam episódios da história do Rio Grande do Sul e da Lenda do Negrinho do Pastoreio.

No sábado, 25 de julho, às 10 horas, acontece, na Pinacoteca Ruben Berta, o seminário Locatelli 100 com o professor, crítico e curador Paulo Gomes e Cirio Simon, ex-docente do Instituto de Artes da Ufrgs e ex-aluno de Aldo Locatelli.
No sábado, dia 8 de agosto, às 9h30, haverá um circuito por espaços de Porto Alegre onde são encontrados trabalhos de Locatelli, como a Igreja Santa Terezinha, o Aeroporto Salgado Filho, a Fiergs e a Reitoria da Ufrgs. Esse percurso contará com a mediação do professor Cirio Simon, que analisará as obras para o público participante.
Culminando as comemorações do centenário, no sábado, 22 de agosto, acontece uma visita à Igreja São Pelegrino em Caxias do Sul. Na ocasião, a mediação será do professor Cirio Simon, que apresentará in loco o trabalho que é considerado a obra prima de Aldo Locatelli.

Aldo Locatelli - O pintor, nascido na Itália, chega ao Rio Grande do Sul em 1948, a convite do bispo de Pelotas Dom Antônio Zattera, para pintar uma série de afrescos na Catedral São Francisco de Paula. Após este trabalho, com a maestria já reconhecida, atuou em diversas cidades, como Caxias do Sul, Santa Maria e Porto Alegre. A sua influência foi essencial para a consolidação da Escola de Belas Artes de Pelotas, bem como nas salas de aula do Instituto de Artes da Ufrgs, onde foi convidado para ser professor, em1951.

Apesar da origem humilde, recebeu uma sólida formação artística em academias italianas, onde absorveu traços clássicos e renascentistas, mas também foi influenciado pelo maneirismo barroco e, mais adiante, pelo modernismo. Na técnica de pintura mural foi praticamente uma figura única no Estado, percebido pela crítica e por intelectuais como um dos responsáveis pela impressão da identidade gaúcha no cenário nacional a partir da década de 1950 ao lado de nomes como Erico Veríssimo e Simões Lopes Neto. Em Porto Alegre, suas obras podem ser apreciadas no Palácio Piratini, no saguão do Aeroporto Salgado Filho (Terminal 2), na Fiergs e nos prédios do Instituto de Artes e da Reitoria da Ufrgs.
Programação
Segunda, 29 de junho, até sábado, 11 de setembro
Exposição Expressão Pura – Locatelli e seus discípulos
Pinacoteca Ruben Berta
Rua Duque de Caxias, 973 – Centro Histórico – Porto Alegre
segunda a sexta, das 10h às 18h
visitação gratuita
Sábado, 18 de julho, das 9h30 às 12h
Visita-guiada com o Prof. Paulo Gomes ao painéis de Aldo Locatelli no Palácio Piratini
Praça Marechal Deodoro (Praça da Matriz), s/nº, Centro Histórico – Porto Alegre
Evento gratuito, mediante inscrição pelo e-mail acervo@smc.prefpoa.com.br
Vagas limitadas
Sábado, 25 de julho, às 10h
Seminário “Locatelli 100” com o Prof. Cirio Simon e o Prof. Paulo Gomes
Pinacoteca Ruben Berta – Rua Duque de Caxias, nº 973, Centro Histórico – Porto Alegre
Evento gratuito, mediante inscrição pelo e-mail acervo@smc.prefpoa.com.br
Vagas limitadas
Sábado, 8 de agosto
Visita a Igreja Santa Terezinha, Aeroporto Salgado Filho, FIERGS e Reitoria da UFRGS.
Horário de saída: 9h
Local de saída: a ser definido
Por adesão, mediante pagamento da respectiva passagem e inscrição pelo e-mail acervo@smc.prefpoa.com.br
Vagas limitadas
Sábado, 22 de agosto 
Visita a Igreja São Pelegrino em Caxias do Sul 
Horário de saída: 8h
Local de saída: a ser definido
Por adesão mediante pagamento da respectiva passagem e inscrição pelo e-mail acervo@smc.prefpoa.com.br até dia 14 de agosto.
Vagas limitadas
 
/artes /cultura
Texto de: Juliana Prato (estagiária) / Supervisão: Cleber Saydelles
Edição de: Jandira Davila Feijó
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.



Exposição Expressão Pura - Locatelli e seus discípulos








No período seminal (1951-1962) em que atuou como professor do Instituto de Artes em Porto Alegre, Aldo Locatelli contribuiu decisivamente na formação de nomes que se tornaram fundamentais no campo artístico rio-grandense, entre os quais se incluem Círio Simon, Clébio Sória, Clara Pechansky, Paulo Peres e Paulo Porcella. Agora reunidos, com o seu notório professor, na mostra que abrirá na Pinacoteca Ruben Berta, estes artistas reverberam um dos princípios do mestre, o de que a pintura de cavalete “é a expressão pura, livre e emocional do artista na procura espiritual, estética e plástica”.


Exposição Expressão Pura - Locatelli e seus discípulos
29 de junho a 11 de setembro de 2015

segunda a sexta, das 10h às 18h
Pinacoteca Ruben Berta
Rua Duque de Caxias, 973
Centro Histórico - Porto Alegre/RS




Centenário de Aldo Locatelli







Centenário de Aldo Locatelli


para comemorar o centenário do pintor italiano

a Prefeitura de Porto Alegre promove programação especial


O ano de 2015 marca o centenário de nascimento de Aldo Locatelli. O pintor, nascido na Itália, chega ao Rio Grande do Sul em 1948, a convite do Bispo de Pelotas Dom Antônio Zattera, para pintar uma série de afrescos na Catedral São Francisco de Paula. Após este trabalho, com a maestria já reconhecida, atuou em diversas cidades, como Caxias do Sul, Santa Maria e Porto Alegre. A sua influência foi essencial para a consolidação da Escola de Belas Artes de Pelotas, bem como nas salas de aula do Instituto de Arte da UFRGS, onde foi convidado para ser professor em 1951. Apesar da origem humilde recebeu uma sólida formação artística em academias italianas, onde absorveu traços clássicos e renascentistas, mas também foi influenciado pelo maneirismo, barroco e, mais adiante, pelo modernismo. Na técnica de pintura mural foi praticamente uma figura única no Estado, percebido pela crítica e por intelectuais como um dos responsáveis pela impressão da identidade gaúcha no cenário nacional a partir da década de 1950 ao lado de nomes como Erico Veríssimo e Simões Lopes Neto. Em Porto Alegre suas obras podem ser apreciadas no Palácio Piratini, no saguão do Aeroporto Salgado Filho (Terminal 2), na FIERGS e nos prédios do Instituto de Artes e da Reitoria da UFRGS.

Para homenagear esse artista, a Prefeitura de Porto Alegre promoverá uma programação incluindo exposição, seminário, passeios pelo Centro Histórico e viagem ao interior do Estado. A programação começa no dia 29 de junho com a mostra “Expressão Pura – Locatelli e seus discípulos” na Pinacoteca Ruben Berta, reunindo trabalhos do mestre italiano e dos seus alunos Paulo Peres, Paulo Porcella, Círio Simon, Clébio Sória e Clara Pechansky.

No dia 18 de julho (sábado) às 9h30 será promovida uma visita mediada pelo Professor Paulo Gomes, docente do Instituto de Artes da UFRGS, no Palácio Piratini, quando serão apresentadas as obras de Locatelli presentes no local que retratam episódios da história do Rio Grande do Sul e da Lenda do Negrinho do Pastoreio.

No dia 25 de julho (sábado), às 10 horas, acontecerá, na Pinacoteca Ruben Berta, o seminário “Locatelli 100” com o professor, crítico e curador Paulo Gomes e Cirio Simon, ex-docente do Instituto de Artes da UFRGS e ex-aluno de Aldo Locatelli. 

Em 8 de agosto  (sábado), às 9h30 haverá um circuito por espaços de Porto Alegre onde são encontrados trabalhos de Locatelli, como a Igreja Santa Terezinha, o Aeroporto Salgado Filho, a FIERGS e a reitoria da UFRGS. Esse percurso contará com a mediação do professor Círio Simon, que analisará as obras para o público participante.

Culminando as comemorações do Centenário, no dia 22 de agosto (sábado), acontecerá uma visita a Igreja São Pelegrino em Caxias do Sul. Na ocasião, a fala será por conta do Professor Círio Simon, que apresentará in loco o trabalho que é considerado a obra prima de Aldo Locatelli.

 Centenário de Aldo Locatelli
  29 de junho a 11 de setembro
exposição “Expressão Pura – Locatelli e seus discípulos”
Pinacoteca Ruben Berta
Rua Duque de Caxias, 973 – Centro Histórico – Porto Alegre
segunda a sexta, das 10h às 18h
visitação gratuita
 18 de julho (sábado), das 9h30 às 12h
visita-guiada com o Prof. Paulo Gomes ao painéis de Aldo Locatelli no Palácio Piratini
Praça Marechal Deodoro (“Praça da Matriz”), s/nº, Centro Histórico – Porto Alegre
evento gratuito, mediante inscrição pelo e-mail acervo@smc.prefpoa.com.br
vagas limitadas
 25 de julho (sábado) – 10h
Seminário “Locatelli 100” com o Prof. Cirio Simon e o Prof. Paulo Gomes
Pinacoteca Ruben Berta – Rua Duque de Caxias, nº 973, Centro Histórico – Porto Alegre
evento gratuito, mediante inscrição pelo e-mail acervo@smc.prefpoa.com.br
vagas limitadas
 08 de agosto (sábado)
Visita a Igreja Santa Terezinha, Aeroporto Salgado Filho, FIERGS e Reitoria da UFRGS.
horário de saída: 9h
local de saída: a ser definido
por adesão, mediante pagamento da respectiva passagem e inscrição pelo e-mail  
acervo@smc.prefpoa.com.br
vagas limitadas
  22 de agosto (sábado) 
Visita a Igreja São Pelegrino em Caxias do Sul 
horário de saída: 8h
local de saída: a ser definido
por adesão mediante pagamento da respectiva passagem e inscrição pelo e-mail  
acervo@smc.prefpoa.com.br  até dia 14 de agosto.
vagas limitadas

quinta-feira, 25 de junho de 2015



Artistas japoneses em exposição no Paço dos Açorianos

 

 
Foto: Divulgação/PMPA
Obra “Branco”, óleo sobre tela de Kazuo Wakabayashi, está na mostra
Obra “Branco”, óleo sobre tela de Kazuo Wakabayashi, está na mostra

Inaugura nesta quinta-feira, 25, na Pinacoteca Aldo Locatelli (Paço dos Açorianos – Praça Montevidéu, 10 - Centro Histórico), a exposição Sob o Sol do Ocidente, constituída por obras de artistas japoneses que integram o acervo das Pinacotecas Aldo Locatelli e Ruben Berta. No ano em que se completam os 120 anos do tratado de amizade Brasil-Japão, as Pinacotecas Aldo Locatelli e Ruben Berta homenageiam a contribuição da imigração japonesa na cultura, na economia e no campo das artes plásticas com uma exposição de artistas de origem nipônica que aqui se fixaram. 

Artistas
Bin Kondo
Kazuo Wakabayashi
Kyoko Yamashita
Manabu Mabe
Mauro Fuke
Minor Tomita
Tomie Ohtake

Agende-se
Sob o Sol do Ocidente
Artistas nipônicos nas Pinacotecas Aldo Locatelli e Ruben Berta
Paço dos Açorianos – Praça Montevidéu, 10 - Centro Histórico - Porto Alegre
Visitação até 21 de agosto, de segunda a sexta, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h
Outras informações: acervo@smc.prefpoa.com.br / (51) 3289-3735

 



/exposicao
Texto de: Cleber Saydelles
Edição de: Andrea Brasil
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.





Sob o sol do Ocidente




Kazuo Wakabayashi - “Branco” - 1966 - óleo sobre tela - 110,0 x 128,5 cm - Acervo Pinacoteca Ruben Berta



Artistas japoneses no Paço dos Açorianos



No ano em que se completam os 120 anos do tratado de amizade Brasil-Japão, as Pinacotecas Aldo Locatelli e Ruben Berta homenageiam a contribuição da imigração japonesa na cultura, na economia e no campo das artes plásticas com uma exposição de artistas de origem nipônica que aqui se fixaram. Gente que produziu e acreditou que o sol nasce onde escolhemos viver e que – no Brasil, Japão ou qualquer outro lugar do mundo – ele sempre será a estrela mais brilhante de todas.


artistas
Bin Kondo

Kazuo Wakabayashi

Kyoko Yamashita

Manabu Mabe

Mauro Fuke

Minor Tomita

Tomie Ohtake




SOB O SOL DO OCIDENTE

artistas nipônicos nas Pinacotecas Aldo Locatelli e Ruben Berta

Paço dos Açorianos – Praça Montevidéu, 10 - Centro Histórico - Porto Alegre

visitação: 25 jun a 21 ago 2015, segunda a sexta, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h

informações: acervo@smc.prefpoa.com.br / (51) 3289-3735
 





Estudantes do PROEJA do Campus Porto Alegre visitam Pinacoteca Ruben Berta


Na última quinta-feira, 18 de junho, alunos de todas as turmas do curso PROEJA – Técnico em Administração e seus professores visitaram a Pinacoteca Ruben Berta, no centro histórico de Porto Alegre.
Durante a visita foi possível conferir parte do acervo permanente da instituição e também a exposição “Princípios & consequências”, da artista Joyce Schleiniger.
A visita à Pinacoteca Ruben Berta encerrou a quinta edição do evento de extensão PROEJA em Circuito Cultural, sob coordenação da professora Helen Scorsatto Ortiz. A proposta prevê a participação dos estudantes do PROEJA em eventos culturais gratuitos realizados em Porto Alegre.
Segundo a professora Helen, “Dedicamos especial agradecimento ao diretor do acervo artístico da Pinacoteca, Flavio Krawczyk, que viabilizou a participação de nossa comunidade acadêmica ao local e palestrou aos mesmos sobre história e arte.”


Instituto Federal Rio Grande do Sul - Estudantes do PROEJA do Campus Porto Alegre visitam Pinacoteca Ruben Berta 


Confira alguma fotos da visita: 

















quarta-feira, 17 de junho de 2015

Abertura da exposição "Fotografias para Imaginar"




Fotografias para Imaginar - Imprensa















terça-feira, 16 de junho de 2015

Fotografias para Imaginar

Linha de montagem: exposição + livro Fotografias para Imaginar.Nesta terça (16 de junho) 7 da noite, Sala Aldo Locatelli, Prefeitura Municipal de Porto Alegre.

Posted by Gilberto Perin Photo on Quinta, 11 de junho de 2015



quinta-feira, 11 de junho de 2015

Trio Damas do Violão faz recital na Série Clássicos na Pinacoteca

 

Foto: Felipe Magdalen/Divulgação PMPA
As três musicistas têm trabalhos importantes como instrumentistas
As três musicistas têm trabalhos importantes como instrumentistas

O grupo Damas do Violão, que reúne as instrumentistas Flávia Domingues Alves, Amanda Carpenedo e Fernanda Krüger,  é a atração da série Clássicos na Pinacoteca em junho. A apresentação está marcada para quarta-feira, 17, às 18h30, com entrada franca, na Pinacoteca Ruben Berta.

O grupo feminino surgiu em março de 2014, a partir de um recital proposto pelo violonista e professor Marcel Estivalet. A ideia de um recital reunindo mulheres violonistas de três gerações diferentes, combinando peças solo e trios, ajudou a consolidar o formato do conjunto, que prioriza a música brasileira original ou arranjada para trio de violões.

As três musicistas têm trabalhos importantes como instrumentistas e docentes. Flávia atua no Instituto de Artes da Ufrgs desde 1982 e tem no currículo participações em trabalhos de nomes como Daniel Wolff, Márcio de Souza, Conjunto de Câmara de Porto Alegre e Quarteto ComTrastos de Violões. Fernanda é bacharel em Violão pela Ufrgs e, além do trabalho autoral em música popular do Fernanda Krüger Trio, leciona violão no Instituto Federal do Rio Grande do Sul. Amanda, graduada em licenciatura em Música pela Ufrgs em 2014, participou de festivais nacionais e internacionais de violão e atualmente, além de cursar o bacharelado em Violão, é professora substituta de Música no Colégio de Aplicação-Ufrgs.

O programa reúne temas do repertório violonístico de diferentes períodos, do barroco ao contemporâneo, com espaço para autores brasileiros como Heitor Villa-Lobos, Cesar Camargo Mariano e Egberto Gismonti (mais detalhes abaixo). Uma curiosidade é o tema Gran Vals, do espanhol Francisco Tárrega (1852-1909) - do qual um trecho da melodia ficou mundialmente conhecido como o toque de telefone celular Nokia Tune.

O projeto Clássicos na Pinacoteca é apresentado pela Prefeitura de Porto Alegre, por meio da Secretaria Municipal da Cultura. A Pinacoteca Ruben Berta está instalada na rua Duque de Caxias, no Centro Histórico, em um casarão residencial do século XIX, restaurado pelo Projeto Monumenta.

Agende-se
Clássicos na Pinacoteca
Damas do Violão - Flávia Domingues Alves, Fernanda Krüger e Amanda Carpenedo
Quarta-feira, 17, às 18h30
Pinacoteca Ruben Berta (rua Duque de Caxias, 973)
Informações: (51) 3224-6740, 3289-8119
acervo@smc.prefpoa.com.br
Entrada franca

Lotação da sala: 50 lugares

Programa

I Parte
M. Llobet - Cançó del Lladre
G. Sanz - Canarios
Violão: Amanda Carpenedo

H. Villa-Lobos - Mazurka Choro
F. Tarrega - Gran Vals
Violão: Fernanda Krüger

H. Villa-Lobos - Prelúdios 3 e 5
Violão: Flávia Domingues Alves

II Parte – Trio Damas do Violão

W. A. Mozart - Minueto da Sinfonia KV 551 em Dó Maior
L. Boccherini - Minueto do Quinteto em Mi Maior
J. Cardoso - Samba D’Ouro
                       Preguiçoso
E. Villani Côrtes - Frevo Fugato
J. Moreira - Diamantina*
C. Camargo Mariano - Samambaia**
E. Gismonti - Palhaço**

*arranjo para três violões de Daniel Wolff
**arranjo para três violões de Luciana Prass

Outras informações
Coordenação de Música
Secretaria da Cultura de Porto Alegre
Tel. (51) 3289-8119
E-mail: cm@smc.prefpoa.com.br
Site: www.portoalegre.rs.gov.br/smc
Endereço: Centro Cultural Usina do Gasômetro
Av. Pres. João Goulart, 551, sala 606 - 6º andar



/musica

Texto de: Luís Bissigo
Edição de: Jandira Davila Feijó
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.


Clássicos na Pinacoteca - Trio Damas do Violão









quarta-feira, 10 de junho de 2015


Sala Aldo Locatelli recebe Fotografias para Imaginar

 


Foto: Gilberto Perin/Divulgação PMPA
Imagens revelam espaços sem a presença humana
Imagens revelam espaços sem a presença humana

A Sala Aldo Locatelli (Paço Municipal de Porto Alegre, Praça Montevidéu, 10) inaugura na terça-feira, 16, às 19h, a exposição Fotografias para Imaginar, do artista visual Gilberto Perin. Também lança o livro de mesmo título do artista. O projeto tem financiamento do Fumproarte e a entrada é franca. 
Fotografias para Imaginar surgiu em 2012 com fotografias produzidas no Brasil e exterior que revelam espaços sem a presença humana, propondo que o limite documental da fotografia seja ultrapassado, rompendo a fronteira do visível, reconstruindo a realidade com outro olhar, além daquele esboçado e recortado pelo fotógrafo. 
A publicação e a exposição contam com a participação de nomes como Carlos Urbim, Charles Kiefer, Ignácio de Loyola Brandão, Martha Medeiros, Luiz Antonio de Assis Brasil, Luiz Ruffato, Mário Röhnelt, André Venzon, Britto Velho, Chico Baldini, Eduardo Haesbaert, Sandro Ka, Régis Duarte e Zoravia Bettiol, entre outros.

Agende-se
Fotografias para Imaginar 
Inauguração da exposição e lançamento do livro
Sala Aldo Locatelli (Paço Municipal de Porto Alegre, Praça Montevidéu, 10) 
Abertura: terça-feira, 16, 19h
Visitação até 31 de julho, de segunda a sexta, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h


 /exposicao
Texto de: Cleber Saydelles
Edição de: Andrea Brasil
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.



Exposição "Ponto de Inflexão - Arte sobre papel reciclado"



Visitação prorrogada até 19 de junho!






sexta-feira, 5 de junho de 2015

Clássicos na Pinacoteca - Recital Damas do Violão








Damas do Violão


O grupo Damas do Violão - que reúne as instrumentistas Flávia Domingues Alves, Amanda Carpenedo e Fernanda Krüger - fará o recital de junho da série Clássicos na Pinacoteca em junho.

A apresentação, com entrada franca, está marcada para o próximo dia 17/6, às 18h30min, na Pinacoteca Ruben Berta (Rua Duque de Caxias, 973).

O trio, surgido em 2014, reúne três musicistas de importante atuação como instrumentistas e docentes. Flávia Domingues Alves é professora do Instituto de Artes da UFRGS desde 1982 e tem no currículo participações em trabalhos de nomes como Daniel Wolff, Márcio de Souza, Conjunto de Câmara de Porto Alegre e Quarteto ComTrastos de Violões. Fernanda é bacharel em Violão pela UFRGS e, além do trabalho autoral em música popular do Fernanda Krüger Trio, leciona violão no Instituto Federal do Rio Grande do Sul. Amanda, graduada em licenciatura em Música pela UFRGS em 2014, participou de festivais nacionais e internacionais de violão e atualmente, além de cursar o bacharelado em Violão, é professora substituta de Música no Colégio de Aplicação - UFRGS.

O programa do recital inclui temas de autores brasileiros, como Villa-Lobos, Cesar Camargo Mariano e Egberto Gismonti (veja abaixo).


Programa


I Parte

M. Llobet - Cançó del Lladre
G. Sanz - Canarios
Violão: Amanda Carpenedo

H. Villa-Lobos - Mazurka Choro
F. Tarrega - Gran Vals
Violão: Fernanda Krüger

H. Villa-Lobos - Prelúdios 3 e 5
Violão: Flávia Domingues Alves


II Parte – Trio Damas do Violão

W. A. Mozart - Minueto da Sinfonia KV 551 em Dó Maior

L. Boccherini - Minueto do Quinteto em Mi Maior

J. Cardoso - Samba D’Ouro
Preguiçoso

E. Villani Côrtes - Frevo Fugato

J. Moreira - Diamantina*

C. Camargo Mariano - Samambaia**

E. Gismonti - Palhaço**

*arranjo para três violões de Daniel Wolff
**arranjo para três violões de Luciana Prass

          

Clássicos na Pinacoteca - Luciane Bottona e Leandro Faber

Clássicos na Pinacoteca traz Canto Lírico

Canto Lírico com Luciane Bottona no Clássicos na Pinacoteca aconteceu ontem na Pinacoteca Rubem Berta. #culturaPoAImagens: Luciano Medina Martins

Posted by Secretaria da Cultura - Porto Alegre on Quinta, 21 de maio de 2015

Clássicos na Pinacoteca - Luciane Bottona e Leandro Faber

Clássicos na Pinacoteca traz Canto Lírico

Canto Lírico com Luciane Bottona no Clássicos na Pinacoteca aconteceu ontem na Pinacoteca Rubem Berta. #culturaPoAImagens: Luciano Medina Martins

Posted by Secretaria da Cultura - Porto Alegre on Quinta, 21 de maio de 2015

Ponto de Inflexão – Arte sobre papel reciclado






Exposição: Ponto de Inflexão – Arte sobre papel reciclado

19.05 a 12.06 - Visitação: seg a sex das 10 às 18h

Pinacoteca Ruben Berta

Reflexão sobre o papel das artes na construção de uma sociedade sustentável. É um gesto simples, mas uma atitude, ou melhor, uma pequena ousadia que se espera venha a ser um ponto de inflexão no cenário artístico de Porto Alegre.

Artistas
 Amanda Teixeira, Amandita Medeiros, Ana Alegria, Anete Abarno, Anna Jonko, Antônio Augusto Bueno, Zuneide Britto Velho Britto Velho, Carmem Salazar, Leonardo Fialho Eleutherio, Juliana Scheid, Leandro Selister, Manu Raupp, Mara Caruso